Turismo na minha cidade: BETIM – MG

Bom dia Amores,

Me deu na cabeça de escrever sobre a cidade em que moro. Tecnicamente.

Para quem não sabe, eu nasci na cidade de Esmeraldas, também na região metropolitana de BH, mas cresci na cidade de Betim – MG.

Este post está voltado para os próprios moradores da cidade, mas você, turista, também pode usufruir das informações ao ir conhecer Betim.

Betim

Peço desculpas de antemão, se houver algum erro ou informação desatualizada, porque, apesar de ter feito algumas pesquisas na Internet, meus livros sobre a história e os atrativos de Betim ficaram em casa, bem como os documentos que eu já produzi sobre a cidade.

BETIM

Betim é um município brasileiro do estado de Minas Gerais e faz parte da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Possui 388.873 habitantes (IBGE/2012).É a 5ª maior cidade do estado e uma das 50 maiores cidades do Brasil. A cidade está a 817 metros acima do nível do mar o que lhe confere um clima agradável e uma paisagem cercada de belos morros.

DISTÂNCIAS DE BETIM

São Paulo 472 km Rio de Janeiro 343 km Salvador 987 km
Brasília 611 km Fortaleza 1910 km Belo Horizonte 31 km  mais próxima
Manaus 2545 km Curitiba 800 km Recife 1663 km
Porto Alegre 1325 km Belém 2113 km Goiânia 648 km

Bandeira BandeiraBetim.svg Brasão BrasaoBetim.svg

História

Betim foi ocupada por luso-brasileiros a partir do final do século XVII, quando sertanistas e aventureiros paulistas descobriram metais e pedras preciosas em Minas. Três cartas de sesmaria foram concedidas em seu atual território em 1711, sendo a mais conhecida a que foi concedida ao bandeirante Joseph Rodrigues Betim, genro de Borba Gato e ligado à bandeira de Fernão Dias.

Joseph Rodrigues Betim

Joseph Rodrigues Betim

Seu primeiro núcleo de povoação a ganhar relevância foi o Arraial da Bandeirinha, responsável pela ereção da Capela Nova do Monte do Carmo, que depois deu nome à região. Conhecida desde então como Capela Nova do Betim, a região se consolidou como ponto de parada de tropeiros e produção para o abastecimento das regiões mineradoras de Minas.

1754 – Capela Nova: A partir deste ano a cidade passou a ser chamada de “Arraial de Capela Nova do Betim”, em função de uma Capela que fora construída no local onde hoje é a Praça Milton Campos. O pedido dessa construção partiu de uma comunidade  que ficava na região do bandeirinha.

1754 – Capela Nova: A partir deste ano a cidade passou a ser chamada de “Arraial de Capela Nova do Betim”, em função de uma Capela (foto) que fora construída no local onde hoje é a Praça Milton Campos. O pedido dessa construção partiu de uma comunidade que ficava na região do bandeirinha. Fonte: IMPHIC

Foi elevada a distrito (de Esmeraldas) em 1801 e a município em 1938, em reforma administrativa empreendida pelo governo do estado. Grande impulso econômico aconteceu na década de 1960, com a instalação da Refinaria Gabriel Passos e da Fiat Automóveis, por iniciativa do governador Rondon Pacheco. A industrialização de Betim mudou seu caráter de cidade interiorana, multiplicando sua população e diversificando sua cultura.

  • Localização: Zona metalúrgica, na região metropolitana de Belo Horizonte.
  • Principais cursos d’água: Rio Paraopeba, Rio Betim e Riacho das Areias
  • Principais rodovias que servem ao município: MG-060, MG-050, BR-381, BR-040, BR-262.
  • Municípios limítrofes: Contagem, Esmeraldas, Ibirité, São Joaquim de Bicas, Mário Campos, Juatuba e Sarzedo.

Lugares para Visitar

Tem gente que fala que em Betim não tem nada para fazer. E tem gente que acha que  só o Betim Shopping oferece lazer na cidade. O fato é que, se você está a fim de explorar a cidade, vai acabar se surpreendendo com o que há para fazer.

Você, betinense, já experimentou dar um passeio no Açude, ir visitar o centro do Teresópolis, passear no Parque Ecológico da Vale Verde ou ir à Casa da Cultura;w

Se você for para os lados de Juatuba, no Francelinos, você poderá ter a oportunidade de pescar no rio Paraopeba. É só conversar com o pessoal da região. Se você quiser, vá  conhecer a Colônia Santa Isabel, tem até cinema por lá.

Já foi até o Salão do Encontro conhecer o artesanato de Betim?

Portão da Colônia Santa Isabel

Portão da Colônia Santa Isabel

Atividades

Esportes

Bom, para quem gosta de esportes, que tal dar uma caminhada na pista que dá a volta no Rio Betim, ou fazer uso das pequenas “academias ao ar livre” existentes em muitos bairros de nossa cidade. Outra opção é conhecer o Ginásio Poliesportivo Divino Braga e a pista de skate, ao lado. Em Betim há também o Kartódromo Internacional, no bairro Itacolomi e a Pista de Bicicross, no Bueno Franco. Para quem gosta de nadar, a opção são os clubes: Atlético Rodoviário, o Clube dos Trabalhadores (SESI) e o Teuto, para quem não tem condições de arcar com os custos, há a Várzea das Flores e as cachoeiras do Bandeirinhas (mas deve-se ter cuidado e ser nadador experiente).

Kartódromo de Betim. Fonte: Site oficial

Kartódromo de Betim. Fonte: Site oficial

Lagoa Várzea das Flores em Betim

Lagoa Várzea das Flores em Betim

Conhcendo a cidade

Já para quem quer somente fazer uma caminhada pela cidade, eu indicaria uma ida ao Centro da Cidade, onde é possível fazer compras e conhecer a antiga Estação Ferroviária, o Museu da Cidade (Colégio Comercial Betinense) a Casa de Cultura Josephina Bento e a Capela de Nossa Senhora do Rosário. O  Ceabe (Centro de Abastecimento de Betim) é um centro de compras de produtos típicos (com artesanato, comércio de animais, aviamentos e mais) também é possível comer alguns petiscos bem tradicionais.

Casa da Cultura

Casa da Cultura

Compras

Os “Centros Comerciais” do Teresópolis, do Vila Cristina e do Alterosas são alternativas interessantes para quem quer fugir do trânsito do centro da cidade. São opções variadas, inclusive com lojas bastante conhecidas da cidade – como a Anjo Azul e a Moreira Calçados, os preços são competitivos e os produtos bastante variados.

Turismo Incomum

Para quem gosta de Turismo de Cemitério, conhecer a história da cidade, por meio de visitas à túmulos. Os cemitérios do Cachoeira e do Carmo (Cemitério Paroquial Nossa Senhora do Carmo), são dois pontos de parada muito interessantes da cidade, afinal, grande parte da população falecida está enterrada nestes dois locais.

Estão enterrados nestes locais pessoas ilustres da cidade, como o Sr. Alvim Alves Rodrigues, cidadão honorário de Betim, o Sr. Raul Saraiva Ribeiro (primeiro prefeito de Betim), Sr. Sylvio Lobo (Primeiro Prefeito Eleito de Betim) e o Sr. Alcides Braz (Membro do Conselho de Farmácia do Estado de Minas Gerais, fundador e vice-diretor do Colégio Comercial Betinense, vereador em Betim), entre outros.

Cemitério do Carmo em Betim

Cemitério do Carmo em Betim

Ah, não podemos esquecer do Cemitério do Citrolândia e o Cemitério de Cachorros no Bandeirinhas.

Os cemitérios de Betim me fizeram ter grande curiosidade em conhecer os de outras cidades, já fui a um em Buenos Aires, em todos os de Ouro Preto, também fui em Ilhéus, Recife e Natal e claro, em Nova Iorque.

Para conhecer com mais calma

Existem 03 lugares em Betim que, em minha opnião, você precisa conhecer:

01 – Salão do Encontro

http://www.salaodoencontro.org.br/antigo/o_que_fazemos/programas.htm

02 – Parque Ecológico Vale Verde Alambique e Cachaçaria

http://www.valeverde.com.br/

03 – Igreja Nossa Senhora do Rosário

Acho que irei fazer um post em separado para cada um deles.

Salão do Encontro - Turma de Turismo PUC 2009

Salão do Encontro – Turma de Turismo PUC 2009

Atividades Noturnas

À noite, tem o Caipirão do Lapinha, o Saloon, no Açude e o Arrastapé com muita música e gente bonita.

Festividades

Religiosidade

Para quem é adepto do Turismo Religioso, e gosta de visitar igrejas e capelas, a cidade também tem muito a oferecer. As festividades religiosas atraem muitos fiéis da cidade. As mais populares são as festas de Nossa Senhora do Carmo (padroeira da cidade) – no Centro e Nossa Senhora Aparecida (padroeira do Brasil) – no Filadélfia.

Mas também são famosas, e gostosas, as festas de São João – no Bairro de mesmo nome, São Francisco de Assis – no Decamão e do Divino Pai Eterno- no Jardim Alterosas. Mas tem muitas outras festas de grande valor na cidade.

Destaque especial para os pastéis e doces da festa de N. Sra. do Carmo, que são uma delícia.

Você pode acessar a programação de todas as paróquias católicas de Betim no site da Arquidiocese de Belo Horizonte.

Igreja Nossa Senhora do Carmo em Betim

Igreja Nossa Senhora do Carmo em Betim

As Casas Espíritas sempre fazem o Festival do Sorvete – é uma delícia. Me lembro que quando criança eu fui a um, me diverti demais. No calendário da AME Betim (Aliança Municipal Espírita de Betim), você pode conferir as datas dos eventos na cidade – por enquanto, estão marcados apenas os eventos de 2012.

Não podemos esquecer da Expo Betim-Cristã, o Festival Gospel de Betim, que atrai milhares de fiéis para louvar ao Senhor. Promovido pela Prefeitura Municipal de Betim e pelo Conselho Municipal de Pastores Evangélicos de Betim – COMPEB, o evento é direcionado à família, às lideranças, empreendedores e público em geral. São quatro dias de festa, difundindo valores e princípios importantes para a vida.

Eventos Não Religiosos

Existem grandes eventos que sempre acontecem na cidade de Betim, como o Betim Rural, o Liberdade Faz a Festa e a Feira da Paz. Ao procurar um pouco mais sobre estes eventos, verifiquei que houve um disse-não disse a respeito do Betim Rural 2013, festividade que geralmente ocorre em maio. Afinal, este ano teve ou não teve? E vai haver Feira da Paz em agosto? Vocês que estão ai na terrinha me digam, por favor, porque estou curiosa.

Ouvi dizer que a Prefeitura Municipal está endividada e que não vai dar apoio aos eventos tradicionais da cidade, é isso mesmo?

Alimentação

Se você é tradicional e gosta de uma comidinha mineira de qualidade, o seu lugar é o Rancho Alegre, o Restaurante do Cabeça, a Vale Verde Alambique e Parque Ecológico e o Fazendinha Porteira Velha.

Comida Deliciosa no Porteira Velha

Comida Deliciosa no Porteira Velha

Porteira Velha

Porteira Velha

Fachada Terrazzo Gourmet

Fachada Terrazzo Gourmet

Entrada Terrazzo Gourmet

Entrada Terrazzo Gourmet

Se você gosta de uma coisa mais sofisticada, te recomendo o Alcachofra, o Restaurante e Pizzaria do Hudson, o Terrazzo Gourmet, o Splendore Ristorante e a Usina Choperia e Restaurante.

Para quem gosta de fast food, que eu saiba, temos o MC Donald’s no Betim Shopping e o Subway na JK e claro o China’s Cook na Praça do Brasiléa, mas teremos muitos outros com a conclusão dos shoppings de Betim. Para quem quer um bom sanduíche temos o famoso Bomburgão, amigo ilustre nas horas incertas, a Lanchonete Alternativa na Praça Milton Campos, com o melhor bacon do oeste, isso no Centro, porque nos bairros temos muitas outras delícias.

Para quem é descolado, a praça da Igeja São Cristóvão, com o Bar do Coxinha e todo um complexo de alimentação ao ar livre é uma boa opção. Fora que a Praça é um encanto. Pastel, é no Zé da Vitamina, no centro da cidade.

Para quem gosta de comida oriental, além do China’s Cook (que foi o primeiro restaurante deste tipo na cidade), atualmente temos o Sushinara (meu favorito), que divide espaço com a Casa do Açaí na Praça do Óleo, o Dragon Garden (no shopping) o Okashi Sushi Bar (atrás da antiga prefeitura). Para quem gosta de peixe, mas não necessariamente cru, temos na cidade o Ponto do Peixe, o Depois das Seis, o restaurante da Milton Campos também tem um peixinho sem igual.

China's Cook

China’s Cook

Laranja Atômica, no posto do Bonutti e o restaurante do Lélio (que ainda não sei como chama), também são locais muito bons para alimentação. Vai ali atrás na mesma rua, no Girassol comera a melhor batata assada do mundo, fora que os drinks, hummm… que delícia.

Veja só que maravilha, se você pegar a Rua do Rosário, em um fim de semana qualquer, você vai passar por pizzarias, restaurantes de comida japonesa/açaí, churrasquinho, sorveterias, sanduicherias, milkshakerias, comida caseira, virando ali na PUC você tem chocolaterias, restaurantes, bares, sorveteria e se seguir em frente você ainda come a melhor pizza da cidade no Bar do Caixa.

Se você quiser procurar, tem uma moça ali pra cima da PUC que faz tapioca doce e salgada. A mulher arrasa no trem. Ah e ainda tem  menino do bolinho de feijão, o Hugo, subindo ali na rua da Pizza Sim, uma graça, vive cheio de encomendas, passa lá depois.

Monumentos e Lugares de Betim

Estação de Betim

Estação de Betim

Principais monumentos

  • Monumento de emancipação do Município, localizado na confluência da Av. Gov. Valadares com Av. Amazonas.
  • Monumento de inauguração da Rodovia Fernão Dias, localizado na confluência desta com a Av. Bandeirantes.
  • Monumento à Antiga Matriz de N. Sra. do Carmo, demolida em 1969. Este monumento fica na Praça Milton Campos
  • Monumento aos 60 anos da emancipação do Município, localizado na cabeceira da Av. Juscelino Kubitschek

Bens culturais tombados em Betim

  • Casa da Cultura Josephina Bento
  • Capela de Nossa Senhora do Rosário
  • Estação Ferroviária
  • Colégio Comercial Betinense (atual Museu da cidade)
  • Portal da Colônia Santa Isabel
  • Conjunto Urbano da Colônia Santa Isabel
  • Acervo de objetos da Antiga Matriz e do Padre Osório Braga
  • Capela São Sebastião do Bairro Amazonas
  • Usina Hidrelétrica Dr. Gravatá
  • Monumento à Inauguração da Rodovia Fernão Dias
  • Caixa D’Água do Complexo Praça Milton Campos
  • Assentamento Dois de Julho do MST (Antiga Fazenda Ponte Nova)

Bens culturais registrados em Betim

  • Reinado de Nossa Senhora do Rosário
  • Folia de Reis do Bairro Santo Afonso

A política de proteção do patrimônio cultural é desenvolvida pela Fundação Artístico Cultural de Betim – FUNARBE, com acompanhamento do Conselho Deliberativo do Patrimônio Cultural.

Pontos turísticos

  • Horto Municipal e Ginásio Poliesportivo Divino Braga
  • Casa da Cultura Josefina Bento
  • Barragem Várzea das Flores
  • Parque de Exposições David Gonçalves Lara
  • Centro Artístico Cultural Frei Estanislau – Imbiruçu
  • Centro Popular de Cultura Frei Francisco Van Der Poel (Frei Chico) – PTB
  • Capela de Nossa Senhora do Rosário
  • Igreja de São Sebastião (várzea das Flores)
  • Capela de São Sebastião (do bairro Amazonas)
  • Igreja de Nossa Senhora do Carmo
  • Salão do Encontro (SASFRA) importante centro de artesanato cujo trabalho tornou a arte betinense reconhecida mundialmente
  • Colônia Santa Isabel
  • Museu Paulo Araújo Moreira Gontijo
  • Praça da Cacimba
  • Igreja de São Cristóvão (réplica da antiga Matriz demolida em 1969)
  • Estação Ferroviária
  • Parque Ecológico Vale Verde (bairro vianópolis)

Vale Verde

Quer saber mais sobre Betim

Vá aqui:

  • Casa da Cultura Josefina Bento
  • Centro Artístico Cultural Frei Estanislau – Imbiruçu
  • Centro Popular de Cultura Frei Francisco Van Der Poel (Frei Chico) – PTB
  • Capela de Nossa Senhora do Rosário
  • Igreja de São Sebastião (várzea das Flores)
  • Portal da Colônia Santa Isabel
  • Conjunto Urbano da Colônia Santa Isabel
  • Acervo de objetos da Antiga Matriz e do Padre Osório Braga

Leia aqui: http://desnoticias.org/wiki/Betim http://imphic.ning.com/profiles/blogs/linha-do-tempo-de-betim http://www.betim.mg.gov.br/home/41324%3B62451%3B03%3B0%3B0.asp https://pt.wikipedia.org/wiki/Betim

Amigos, se vocês gostaram, ajudem a contribuir para que este post fique ainda melhor informando coisas que vocês gostariam de ter comentadas e que eu não escrevi. Qualquer erro que vocês virem, por favor, me informem para que eu possa repará-lo.

Muito obrigada pela colaboração.

Cellinda

Advertisements

3 thoughts on “Turismo na minha cidade: BETIM – MG

Comments are closed.